Jennifer Jones Melhores filmes por ator

Jennifer Jones
Jennifer Jones, nome artístico de Phylis Lee Isley (Tulsa, 2 de março de 1919 – Malibu, 17 de dezembro de 2009), foi uma atriz estadunidense. Cinco vezes indicadas ao Oscar, Jennifer recebeu o prêmio de melhor atriz por A canção de Bernadette ("The Song of Bernadette", 1943).
Phylis foi cuidadosamente preparada para o estrelato, recebendo um nome artístico: Jennifer Jones. O diretor Henry King ficou impressionado com o teste dela para o papel de Bernadette Soubirous em The Song of Bernadette (1943). Ela acabou ganhando o papel, cobiçado por centenas de candidatas. Em 2 de março de 1944, data de seu vigésimo quinto aniversário, Jones recebeu o Oscar de melhor atriz por sua performance no filme. Naquele mesmo ano, a atriz Ingrid Bergman, de quem Jennifer era amiga, também havia sido indicada ao prêmio pelo desempenho em For Whom the Bell Tolls. Jennifer pediu desculpas a Bergman, que respondeu: "Não, Jennifer. Sua Bernadette foi melhor do que a minha Maria". No ano seguinte, Bergman receberia a estatueta de melhor atriz por Gaslight das mãos da amiga.
Durante as duas décadas seguintes, Jennifer apareceria em uma gama de papéis escolhidos por Selznick. Sua beleza profunda e natureza sensível agradou ao público e ela interpretaria uma gama variada de personagens. Sua imagem inicial de santa — como mostrada em seu primeiro papel principal — iria se contrastar, três anos mais tarde, com sua personagem birracial no polêmico Duel in the Sun, produzido e escrito por Selznick. Entre outros papéis notáveis de sua carreira estão os filmes Since You Went Away (1944), pelo qual foi indicada ao Oscar de melhor Atriz (coadjuvante/secundária), Love Letters (1945), que lhe rendeu sua segunda indicação ao Oscar de melhor atriz, Cluny Brown (1946), Portrait of Jennie (1948), Madame Bovary (1949), Carrie (1952), Ruby Gentry (1952), Indiscretion of an American Wife (1953), Beat the Devil (1953), Good Morning Miss Dove (1955), The Man in the Gray Flannel Suit (1956) e A Farewell to Arms (1957). Em 1955 recebeu sua última indicação ao Oscar de melhor atriz por seu papel como uma médica euroasiática em Love is a Many-Splendored Thing (1955). Ela contracenou, neste período, com atores como Charles Boyer, Joseph Cotten, Gregory Peck, John Garfield, Charlton Heston, Laurence Olivier, Montgomery Clift, Humphrey Bogart, William Holden, Robert Stack, John Gielgud, Rock Hudson e Jason Robards.
Seu último papel no cinema foi no filme catástrofe The Towering Inferno de 1974, no qual teve a oportunidade de dançar com Fred Astaire.
Fonte
Total 24 • Ordenar Ranking | Ano
Pontos 7.98
Pontos 7.63
Pontos 7.35
Pontos 7.32
Pontos 7.08
Pontos 6.96
Pontos 6.78
Pontos 6.77
Pontos 6.77
10º
Pontos 6.76
11º
Pontos 6.73
12º
Pontos 6.68
14º
Pontos 6.26
15º
Pontos 6.18
16º
Pontos 6.15
17º
Pontos 5.94
18º
Pontos 5.85
19º
Pontos 5.71
20º
Pontos 5.21
Entrar